Aron Infra-estrutura Fluorescência Regulamentação Produtos Dicas Perguntas

 

Mecanismo das Cores

Fatos sobre Pigmentos Fluorescentes

Pigmentos Fluorescentes

Limitações

Fluorescência

 
 
História dos Pigmentos Fluorescentes
 

Em 1930, algumas experiências demonstraram que a combinação de certos corantes e resinas produzia cores mais brilhantes que as usuais com a capacidade única de "brilhar" sob as luzes ultravioleta e negra. Com o aperfeiçoamento dos produtos químicos, dos processos de fabricação e a expansão das possibilidades de aplicação em Publicidade, Segurança e Itens Promocionais, empresas dessas áreas reconheceram as características exclusivas dos pigmentos fluorescentes e suas inúmeras possibilidades de aplicação.

 
Pigmentos Fluorescentes Daylight
 

Pigmentos convencionais / normais podem refletir apenas a luz visível, os Fluorescentes convertem a luz ultravioleta absorvida e as reflete como luz visível, por esta razão, parecem brilhar mais que os pigmentos normais.

 

Como exemplo, o Pigmento Fluorescente Laranja absorve a banda Laranja como os pigmentos convencionais, entretanto, ele também converte a parte final do espectro e a luz ultravioleta em luz visível do comprimento de onda predominante.

Quando limpo, um pigmento convencional é capaz de refletir no máximo 90% da cor presente no espectro, enquanto um pigmento fluorescente pode refletir 200 / 300% da cor presente no espectro.
 
 
Voltar para Aron Universal Página Inicial